Please reload

Notícias

Ainda gravidinha, a dentista Fabiany fala sobre como o sonho da maternidade também exige antes mesmo do filho nascer

Fabiany Ferraz Nery, de 44 anos, t...

Vontade de ser mãe superou dois abortos, tratamentos e hoje Fabi carrega Caio

14/05/2018

1/10
Please reload

Últimas Notícias

Café da manhã saudável - Impacto positivo na saúde dos óvulos

Provavelmente já ouviu que o café da manhã é uma das refeições mais importantes do dia. No entanto, fazer a alimentação de forma saudável e mais calórica no período da manhã, bem como reduzir as calorias do jantar contribui para combater a infertilidade, principalmente, em mulheres que sofrem com a Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP) é o que aponta uma pesquisa publicada pela Universidade Hebraica de Jerusalém e da Universidade de Tel Aviv.

Sabemos que para poder engravidar, o corpo precisa estar saudável, portanto há uma forte relação entre a alimentação e a fertilidade.

 

Um organismo saudável produzirá um impacto positivo no metabolismo e nos gametas, enquanto que a alimentação inadequada provoca um estado inflamatório no organismo em geral, e as células reprodutivas sentem fortemente esses efeitos.

Pensando no ciclo circadiano, o período da manhã é o período mais propício em termos metabólico para manter um ótimo metabolismo ao longo do dia, é nesse momento que despertamos o corpo, por isso devemos dar nutrientes suficientementes bons para atender de maneira saudável suas necessidades.

 

Estudos epidemiológicos revelam que ao ingerir um café da manhã calórico, desde que sejam nutritivos, está diretamente relacionado ao aumento da saciedade ao longo do dia. A alimentação matinal reduz o índice de massa corporal (IMC), aumenta a absorção de nutrientes e ainda diminui as concentrações de colesterol como LDL.

 

Podemos afirmar que essas alterações no metabolismo causam um impacto positivo na hiperinsulinemia (quantidade de insulina na corrente sanguínea) melhorando o perfil glicêmico (quantidade de açúcar no sangue).

 

Como consequência desse processo, ocorre uma redução da atividade de uma proteína presente nas células da teca ovariana (a proteína citocromo P450 17 alfa ovariana).

 

Essa proteína aumenta a secreção de androgênios (hormônios masculinos), que quando em excesso causa todo o desequilíbrio no processo ovulatório, piorando os sintomas da síndrome (SOP). Tanto a literatura científica como minha experiência em avaliar óvulos de rotina, mostra que pacientes com ovário policístico podem ter comprometimento na qualidade de seus óvulos e consequentemente na formação dos embriões.

 

Com a alimentação hipercalórica no café da manhã, a proteína citocromo P450 17 alfa ovariana tem sua atividade reduzida e, com isso, diminui a secreção dos androgênios, melhorando o perfil lipídico dessas pacientes em especial, melhorando a qualidade dos óvulos.

 

Ressaltamos que a boa alimentação é um dos principais fatores que potencializam a saúde dos gametas (óvulos e espermatozoides) da população em geral, encurtando assim o caminho que leva a gestação para os casais que desejam engravidar.

Please reload

Please reload

Arquivo

CRH Rio Preto
Rua XV de Novembro, 4461 - Redentora
São José do Rio Preto - São Paulo

CEP.: 15.015-110 

Central de Atendimento
    (17) 3216.8662 | (17) 9 9601.2765