5 coisas que toda mulher deve saber sobre congelamento de óvulos

“Minha vida é uma loucura, trabalho de 12 a 14 horas todos os dias. Não conseguiria cuidar de um bebê e me recuso a ser uma mãe ausente. Por isso quero congelar meus óvulos.” Esta declaração foi dada recentemente por Sabrina Sato à Marie Claire, mas poderia ser de muitas mulheres brasileiras que optam cada vez mais pela gravidez tardia e fazem crescer a procura por congelamento de óvulos nas clínicas de reprodução humana. “São mulheres que desejam postergar a maternidade em prol da estabilidade econômica ou por priorizar a carreira até os 30 e poucos anos”, conta a Dra. Audrey dos Reis, médica ginecologista-obstetra, especialista em reprodução humana. “Fazem crescer a lista aquelas que, apes

Número de mulheres que são mães após os 40 anos cresce 49% em duas décadas

Ter filhos sempre foi um dos sonhos da bancária Fabiana Galvão Camargo Sarraf. Antes, porém, ela queria construir uma carreira sólida e alcançar a tão sonhada estabilidade financeira. Quando tudo isso chegou, aos 39 anos, ela começou a tentar engravidar. “Você foca no trabalho, o tempo passa e, como se sente bem fisicamente, jovial, acha que pode esperar, mas o relógio biológico não é bem assim.” Com ajuda da fertilização in vitro, Fabiana engravidou e deu à luz Samuel e Mariah em dezembro, no mesmo dia em que fez 42 anos. Como Fabiana, cada vez mais brasileiras optam por ter filhos após os 40 anos. Dados inéditos do Ministério da Saúde mostram que o número de mulheres que foram mães após es

Fertilização in vitro cresce 150% no Brasil

A fertilização in vitro (FIV) é um método que ajuda pessoas que não conseguem engravidar com naturalidade e tem se tornado cada vez mais popular. A técnica, que chegou ao Brasil em 1984, tem atraído muitas famílias. Segundo um levantamento da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), de 2011 a 2016, o número de FIVs realizados no país saltou de 13.527 para 33.790, ou seja, um crescimento de 149,7%. “Esse aumento tem ocorrido ano após ano, mas tem sido mais significativo nos últimos cinco”, diz o ginecologista Marcos Moura, especialista em reprodução assistida. “Acredito que uma das possíveis causas é que a mulher está cada vez mais postergando a gestação; a idade com a qual elas têm

9 dúvidas sobre fertilização assistida

Desde o nascimento do primeiro bebê de proveta, que é hoje uma moça de mais de 30 anos, as técnicas de fecundação assistida se tornaram rotina nas clínicas de reprodução humana no mundo inteiro. Casais que antes sofriam com a impossibilidade de engravidar aumentaram, e muito, suas chances de realizar o sonho de ter filhos. Tanto a inseminação artificial como a fertilização in vitro ainda geram dúvidas entre os casais com problemas de infertilidade, que afetam de 10 a 15% da população adulta. Veja o que os especialistas dizem sobre o assunto. Boris Kaulin/Thinkstock/Getty Images 1 - Posso escolher o sexo do bebê? Somente em situações especiais, como diante da possibilidade de transmissão de d

Últimas Notícias
Notícias
Arquivo

CONTATO

CRH Rio Preto
Rua XV de Novembro, 4461 - Redentora
São José do Rio Preto - São Paulo

CEP.: 15.015-110 

Central de Atendimento

(17) 3216.8662

(17) 9 9142.2322 (Whatsapp)

Horário de Atendimento

Segunda a Sexta das 8:00 às 19:00