Injeção Intra-Citoplasmática de Espermatozóides (ICSI)

 

O procedimento básico desta técnica é conhecido como micromanipulação, e tem o objetivo de "dar um empurrãozinho" nos espermatozóides com pouca força de locomoção e com baixo número em concentração. Com o auxilio de um microscópio especial e de uma microagulha, o espermatozóide é injetado diretamente no interior do óvulo.



A ICSI veio para acabar com os problemas de infertilidade ligados a fatores masculinos, casais que tenha baixa qualidade ou pouca quantidade de espermatozóides.



Caso o homem não tenha espermatozóide na ejaculação, por fatores fisiológicos ou vasectomia, podemos buscá-los diretamente nos testículos ou no epidídimo. Para isso lançamos mão de técnicas como punção do epidídimo, punção de testículos ou biópsia testicular.